O dono do mundo

4 de set de 2010

















E se dissessem:
“Vá, possuas o mundo!”
Ainda assim não saberia tê-lo.
Não caberia em minha mão,
não poderia retê-lo.
Pois o mundo é maior que o mundo.
As almas pesam
e os pensamentos.
Não poderia carregá-los em minhas costas,
já tenho muito peso.
Se eu tivesse o mundo,
devolveria-o a ele mesmo.

1 comentário(s):

Ariane Rodrigues disse...

Resta saber se ele quereria de volta, né? Eu também falei sobre isso num poema, por um outro ângulo:http://arianerodrigues.blogspot.com/2009/01/ombros.html

Ahh, percebi que tem melhorado o layout do blog! Gostei! Bjos.